Calçadas

Calçadas perto da estação de trem.

Essa parte mais escura da calçada é para os cegos. A pessoa enfia a bengala aí e vai seguindo a rua. Quando tem ponto de ônibus ou esquina, em vez de ter esse desenho, o piso fica com umas bolinhas [aí, dependendo do que for, a disposição dos “quadrados” -sei lá o nome disso- muda].

IGUALZINHO ao Brasil, hein! =P

Não que todas as calçadas daqui sejam assim [tem rua que nem tem calçada =P] , mas pelo menos as ruas principais dos centros são mais ou menos desse jeito.

Anúncios
Publicado em br x jp. 4 Comments »

Komatsu não é só mato =D

O centro até tem cara de cidade. E é onde fica a estação da JR (Japan Railways):

Essa foto é da Wikipedia =P

Grudado à estação fica o terminal de ônibus da cidade (é um troço meio circular – e o centro dele virou a “árvore” de Natal da cidade — na verdade, só puseram umas luzinhas amarelas; BEM sem graça, mas fazer o quê? =P)

Onde está esse ônibus já é o terminal. Essa “janela” na frente do ônibus é o ponto dele; todos os pontos têm essa “janela”, que tem um banco comprido, acompanhando a curvatura do ponto e um mapa (que eu não entendi porcaria nenhuma porque sou analfabeta dem japonês -isso vai mudar! Hoje comprei um dicionário =P-, mas deduzo que seja a rota de cada ônibus, com os nomes dos locais em que os carros param ).

O terminal é pequeno mas é bonitinho:

Isso fica bem no centro do terminal; esse cone é que é a tal da “árvore”.

Ônibus MUDERRRNO da cidade. A construção atrás do ônibus é a estação de trem. (terminal GIGANTE ^^’)

Publicado em transportes. 1 Comment »

“No Japão, os carros são todos modernos”

Aham… ¬¬’

Deveras.

Japão, terra de…

JACK SKELLINGTON! =D

Japão, terra de…

Bicicletas. Muitas bicicletas.

Estacionamento público em Utsunomiya (Tochigi).

Estacionamento do apato em que moro.

Dieta? Que dieta??? – doces/sobremesas/tranqueiras…

Sorvete de trufa de chocolate com recheio de creme de baunilha e uma espécie de torta intercalando massa bem fininha de crepe com creme de baunilha (na verdade, isso aí é meio seco – nada que uma boa geléia de morango ou de damasco não resolva)…

Em sentido horário, a partir do bolo de chocolate : bolo de chocolate, bolo de chocolate ao leite e branco, bolo branco com morangos, torta de blueberries (descobri que isso em português se chama mirtilo =D) e morangos, e um bolo que eu não lembro do que era (acho que baunilha com alguma fruta), mas era MUITO bom!!!!

Häagen Dazs de chá verde ^^

Sorvete de mochii (motí – massa de arroz) com recheio de creme de morango.

Massa de torta com sorvete de limão, UM morango e UMA framboesa com biscoitos de chocolate. E um expressozinho, já que estávamos num restaurante italiano e isso fazia parte da sobremesa…

Kit Kat vendido em vending machines – GENIAL! Eu estava num terminal de ônibus e fui numa máquina de bebidas; vi isso e achei que era alguma bebida sabor kit kat, mas NÃO! Era um copinho com meia dúzia de barras de chocolate dentro. E o biscoito do kit kat daqui é mais leve que a do Brasil – de babar! ^^

Balinha macia meio azeda de limão (parece uma gelatininha de limão adocicada com um pozinho azedo em volta) e chiclete MEGA refrescante (algo no estilo halls extra-forte).

Dieta? Que dieta??? – pratos principais

Okonomiyaki à moda de Hiroshima e muita coca cola para digerir esse prato “tão light”. Local: um pé sujo em Hiroshima. Ao fundo, a chapa em que o cozinheiro fazia todos os pratos da casa ao mesmo tempo (deveras higiênico e assaz saudável).

Hambúrguer com cogumelos, cebola (acho) e nabo ralado (para cortar um pouco a gordura). Nos potinhos, legumes cozidos e um molho grosso meio adocicado e meio apimentado (esquisito e delicioso). Para beber, chá de jasmim bem quentinho. Local: um restaurante muito bom que tem em Kuki, na província de Saitama (esqueci o nome do lugar =P).

Cogumelos shimeji e camarão ao molho barbecue (no prato azul ~~ até hoje babo e sonho com isso =D~~~) e udon (udôn – é essa sopa de macarrão) com tempura (tempurá) de legumes e camarão. Para beber, Calpis (a bebida branca – parece um yakult cem vezes melhorado) e chá verde quente. Local: restaurante no depato (loja de departamentos) Ito Yokado, em Kuki.

Na porcelana decorada em azul: tempura de tofu (MARAVILHOSO – pelo que eu entendi, isso só existe em Kyoto); no prato maior: arroz com nori e tempura de legumes e camarão (come-se muito camarão por aqui); no pratinho menor: omelete à moda de Kyoto (levemente adocicada e com um caldinho ralinho, que deixa a omelete MUITO macia); no chawan (tchá-wán — é a cumbuquinha vermelha): misoshiro (missôshiro – sopa de soja) não lembro de quê, mas acho que era de vôngole com wakame (uácamê – um tipo de alga); para beber: chá verde pelando de quente. Local: um restaurantezinho no bairro de Gion, em Kyoto.