Japão, terra de…

COMIDA PERUANA!

Sim, porque, vou te falar, como tem peruano nesse país!!!

No Brasil, nunca vi comida peruana [sei que tem, só não sei onde encontrar - digo, coisa que caiba no meu bolso =P]. Na verdade, eu sou uma vergonha, porque tenho um amigo a quem adoro e a criatura é made in Peru. Sim, eu sei, shame on me.

Aqui, comi lomo saltado [que as peruanas que conheço me ensinaram que se pronuncia "lómo sartádo"] e alfajor; e já tenho um ceviche prometido para um futuro breve [espero que se realize, porque parece MUITO bom!]. Sim, conheço praticamente nada da culinária peruana; fui experimentar AQUI, do outro lado do mundo [mesmo tendo o tal amigo peruano! Shame on me again!]. Porque eu sou uma pessoa prática. Para quê experimentar no Brasil que é pertinho do Peru, se posso ir à p***a do outro lado do planeta, não é mesmo?


Lomo saltado

O lomo saltado são tiras de carne com pouca gordura [tipo filé mignon] com cebola, tomate e batata frita. Tudo junto! E é apimentadinho! [não muito; na medida certa. Muito delicinha!] \o/


Alfajor peruano

Alfajores eu já conhecia; o da Turma da Mônica [que eu não gostava muito] e o absolutamente necessário e argentino Havanna! Havanna r0x big time! \o/ O peruano me pareceu diferente… o que comi era BEM parecido com esse da foto.

O que notei de diferente: a massa é mais salgada, mais amanteigada [embora mais sequinha; lembra, vagamente, um sequilho, mas é MUITO mais úmida que um sequilho] tem uma camada GIGANTE de açúcar de confeiteiro [segundo a peruana que me deu, esse alfajor é perigoso porque tem gente que, ao comer, SUGA o açúcar para não perder o doce e ENGASGA, podendo ficar com falta de ar o____O] e esfarela muito.

Mas assim, MUITO.

Mesmo.

Coma em cima de um prato. Não esqueça da colher [porque você vai perder quase um terço do treco, esfarelado -farofa doce, sabe?-, então use a colher para comer aquele monte de massinha quebradiça+açúcar+nacos de doce de leite que caírem no prato] e do guardanapo [a sujeira é grande. Enorme. Colossal. Sei do que estou falando, confie em mim.]


Ceviche [ou cebiche]

Nunca comi. Prometeram-me. Quero. E quero com força.
Meu! Tipo, salada de frutos do mar [peixe de carne branca + lagosta ou camarão ou ambos + polvo + lula + ostras] marinados em suco de frutas cítricas [normalmente limão, mas dá para usar outras frutas também]! O ácido dá uma quebrada nas proteínas da carne, “cozinhando” os frutos do mar e aí você joga umas cebolas roxas e… *babando* EU QUERO!!!! ♥♥♥♥♥

***

Ah, como pude me esquecer? Aqui também experimentei a INCA KOLA! Inca Kola é tipo o Guaraná Jesus o sonho cor-de-rosa dos peruanos. É um refrigerante horrendo, diga-se de passagem, mas quem sou eu para falar algo, já que detesto refrigerantes? de tutti-frutti. Meu! Sério! INCA KOLA. Pachacútec deve estar se revirando no túmulo bwarhuaruahuahuahahahahahaa


Inca Kola em toda a sua glória

Dois slogans g-e-n-i-a-i-s: “THE GOLDEN COLA” e “EL SABOR DEL PERU” Huahuahauhauaa E isso é líder no mercado peruano [não que esse refrigerante tenha conseguindo desbancar a coca cola, já que esta comprou quase metade das ações do "sabor do Peru" isso soou muito estranho... =P]

Meu! Olha a cor dessa bagaça! Refri radioativo!

***

Viva el Japón! \o\ \o/ /o/

Anmitsu

Anmitsu e uma sobremesa geladinha. Eu não sei qual é exatamente a origem desse doce, mas ela é bem popular por aqui [e é fácil fácil de se encontrar no Brasil também - pelo menos, em São Paulo].

Basicamente, o anmistu é uma salada de frutas com anko, kanten [opcional] e sorvete. Ou seja, cada um faz do jeito que gosta.

E agora, a tradução:

Anko
[Lê-se "ankô"]

O famoso doce de feijão. Aquele, que um monte de gente nem experimenta por puro preconceito, só porque dizem que é feito de feijão. Oi, não é o feijão que se come com arroz não. É o feijão azuki, que é menor que o feijão que se come na culinária brasileira, além de ser vermelho e ter o sabor totalmente diferente [ele é adocicado, então é muito natural que se faça doce com ele - tem até kit kat recheado com azuki por aqui! - se bem que eu nem curto azuki com doce "moderno"; prefiro nos tradicionais mesmo]. Só que ele é uma leguminosa [sabe? nasce em vagens e talz], da mesma família que o carioquinha, o preto… mas é TOTALMENTE diferente. Dá pra fazer prato salgado com ele, mas eu, pessoalmente, prefiro em doce.

Do azuki é feito o anko [ou pasta de feijão], e eu conheço três variedades bem comuns: o lisinho, bem cremoso, a pasta é toda uniforme que eu chamo de “anko liso” [ADORO]; o que tem pedaços de feijão que eu, bem leigamente, chamo de “Anko pedaçudo” [quando não tá muuuito pedaçudo eu até encaro] e o líquido, que, além de líquido, tem a versão cremosa e pedaçuda [d-e-t-e-s-t-o as duas versões].

O “an” de “anmitsu” vem do “an” de “anko”.

Kanten
[Lê-se "kantén"]

Eu não sei descrever isso exatamente, mas é basicamente uma gelatina praticamente sem sabor [é adocicado, mas beeeem pouquinho], à base de uma substância extraída de várias algas [parece que o pessoal chama de "ágar-ágar" - nem sabia; acabei de descobrir]. Só sei que se não tem nenhum sabor, ele é transparente, mas dá para deixar o bichinho colorido, adicionando sabores [não sendo o de café, que não gostei, mando para dentro qualquer outro sabor; kanten r0x].

Enfim, como eu já disse, cada um faz o anmistu de um jeito. O que eu mais gosto é assim [todas as frutas em cubinhos, para facilitar na hora de comer]:

*1 bola bem generosa de sorvete [de baunilha, de nata ou de chá verde];
*cubinhos de kanten [trasparentes ou coloridos, tanto faz];
*morangos [quanto mais, melhor!];
*kiwi;
*melão [de preferência, o japonês alaranjado, para dar um colorido];
*fatias de maçã com casca [exceção; maçã eu prefiro em fatia do que em cubinhos];
*mamão;
*pêssego em calda;
*marshmallows pequenos;
*anko lisinho, cremoso.

Aqui no Japão eu também coloco [vou chorar quando voltar ao Brasil e não encontrar isso no mercado]:
*framboesa [com amora também deve ficar bom];
*blueberries.

Faz tempo que não faço anmitsu -nem tenho todos os ingredientes em casa [e tô com uma preguiça MÓRBIDA de ir ao mercado =p]-, mas eis algumas fotos de várias versões dele. *__*

Japão, terra de…

Morangos monstruosos! /o/o/o/

E são mega doces! Melzinhos! /o/ Sério mesmo, são os morangos mais doces que já comi na vida! *___* [Morango é A Fruta Nobre! /o/o/o/]

Detalhe: esse morango aí de cima NÃO era o maior da caixa [pelo contrário! o___O É que só fui pensar em tirar foto com a trena quando todo o resto já havia sido devorado]

Sushi-ya

Fui esses dias com duas pessoas comer sushi…

Tinha uma esteira dupla bem ao meu lado… na parte de cima passavam os pratos [cada cor, um preço ~ esse sistema já existe há algum tempo em alguns restaurantes no Brasil] e na esteira de baixo passavam os pratinhos para colocar os molhos e os copos para beber chá verde [que, assim como a água, é DE GRAÇA, nos restaurantes daqui...]. A torneirinha serve para pegar a água quente para o chá:

Genial! Quero um sistema de água quente assim em casa! /o/

Em cada uma dessas gavetinhas de madeira tinha um tipo diferente de chá… o chá verde puro [que eu tomei! E estava perfeito!] e um chá verde… sei lá com o quê. Acho que era mugicha [pronúncia: múgui-tchá], mas sei lá… não conheço esses kanjis u_u’. Ao lado, uma conserva de gengibre que eu, sinceramente, DETESTO, shoyu, molho de alguma coisa, pimenta [ao fundo, escondidinho atrás do molho] e palitos de dente. Taí uam coisa que gosto nesse país: a praticidade! =D

Virando pro outro lado, tinha isso:

Eu estava ao lado do balcão onde os carinhas estavam montando os sushis, e do outro lado do corredor tinha esses monitores, mostrando os pratos da casa e algumas imagens que, acredito, mostram os lugares de onde planta tal utilizada em prato tal é cultivada, etc… sim, é uma espécie de cardápio! o_O

****************************************

Agora, o que interessa: a comida! Lógico! =P

Eu nem lembro mais os nomes dos peixes, mas estavam ÓTEMOS! =D~~~

Meus quatro primeiros pratinhos:

Destaque: salmão com cebola e maionese; nunca pensei que um sushi assim pudesse ser bom, mas é! =D

Meus três últimos:

Destaque: makizushi [ou seja, "sushi enrolado"] de camarão empanado. Nunca tinha visto isso, mas adorei! =D

A MINHA pilha de pratinhos ao final da refeição… uu’

A mesa, no final (siiiim, éramos três ogrinhos comendo =D) :

Pena que os dias não são todos assim perfeitos…

******************

Em tempo: ya significa “estabelecimento comercial”. Então, sushi-ya = restaurante de sushi /o/

Dieta? Que dieta??? – doces/sobremesas/tranqueiras…

Sorvete de trufa de chocolate com recheio de creme de baunilha e uma espécie de torta intercalando massa bem fininha de crepe com creme de baunilha (na verdade, isso aí é meio seco – nada que uma boa geléia de morango ou de damasco não resolva)…

Em sentido horário, a partir do bolo de chocolate : bolo de chocolate, bolo de chocolate ao leite e branco, bolo branco com morangos, torta de blueberries (descobri que isso em português se chama mirtilo =D) e morangos, e um bolo que eu não lembro do que era (acho que baunilha com alguma fruta), mas era MUITO bom!!!!

Häagen Dazs de chá verde ^^

Sorvete de mochii (motí – massa de arroz) com recheio de creme de morango.

Massa de torta com sorvete de limão, UM morango e UMA framboesa com biscoitos de chocolate. E um expressozinho, já que estávamos num restaurante italiano e isso fazia parte da sobremesa…

Kit Kat vendido em vending machines – GENIAL! Eu estava num terminal de ônibus e fui numa máquina de bebidas; vi isso e achei que era alguma bebida sabor kit kat, mas NÃO! Era um copinho com meia dúzia de barras de chocolate dentro. E o biscoito do kit kat daqui é mais leve que a do Brasil – de babar! ^^

Balinha macia meio azeda de limão (parece uma gelatininha de limão adocicada com um pozinho azedo em volta) e chiclete MEGA refrescante (algo no estilo halls extra-forte).

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.