One two three four! -parte 3

Espero que seja a última parte porque, sinceramente, tô cansando. =P

Objetos grandes

(carro, máquina de lavar louça, tv, computador…)
A regra é o sufixo dai

1 – ichi dai
2 – ni dai
3 – san dai
4 – yon dai
5 – go dai
6 – roku dai
7 – nana dai
8 – hachi dai
9 – kyuu dai
10 – juu dai

Livros e cadernos

A regra é o sufixo satsu

1 – issatsu
2 – ni satsu
3 – san satsu
4 – yon satsu
5 – go satsu
6 – roku satsu
7 – nana satsu
8 – hassatsu
9 – kyuu satsu
10 – jissatsu (ATENÇÃO: aqui é “ji” em vez de “juu”)

Idade

A regra é o sufixo sai

1 – issai
2 – ni sai
3 – san sai
4 – yon sai
5 – go sai
6 – roku sai
7 – nana sai
8 – hassai
9 – kyuu sai
10 – juu sai
11 – juu issai
12 – juu ni sai
20 – hatachi
21 – ni juu issai

Objetos “compridos”

(parafuso, prego, caneta, guarda-chuva, lápis, pinça, hashi…)
A regra é o sufixo hon e seus derivados, bon e pon

1 – ippon
2 – ni hon
3 – san bon
4 – yon hon
5 – go hon
6 – roppon
7 – nana hon
8 – happon
9 – kyuu hon
10 – jippon (ATENÇÃO: aqui é “ji” em vez de “juu”)
11 – juu ippon
12 – juu ni hon
13 – juu san bon
20 – ni jippon
30 – san jippon
100 – hyappon
200 – nihyappon
600 – ropyappon
1000 – sen bon
2000 – ni sen bon

…E é isso. Não sei se tem mais alguma outra forma de contar, só sei essas.
Como dá para notar, aprender a contar em japs é facinho facinho, mamão com açúcar, molezinha, qualquer bebê consegue.

Tipos, meu, pra quê tanta complicação? Alguém me explica? =P

Queria ver o Dee Dee ou CJ Ramone gritando 1 2 3 4 se eles fossem japoneses.

Anúncios

One two three four! -parte 2

*Tirando como base os sites Japonês na prática e Aprendendo japonês [tabelas copiadas integralmente, ctr c ctr v mesmo, sem nenhuma vergonha na cara]*
Ah, sim; a leitura usada está de acordo com o sistema Hepburn [estou mais acostumada].

Então vamos aos números. Porque “1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10” é para os fracos. Não que essa forma não seja usada; é, sim. Só que também existe a forma japs de se escrever os números. Porque, como eu já disse antes, japonês adooora complicar.

Então:

1 一
2 二
3 三
4 四
5 五
6 六
7 七
8 八
9 九
10 十
11 十一
E assim por diante.

E, como eu disse também, sempre tem uma forma chinesa e uma forma japonesa de se ler as coisas [eu acho que não falei que as duas formas são usadas direto].

O numeral japonês é usado para:
.contagem, em geral
.quantidade de objetos

O numeral chinês:
.serve para contagem, em geral
.é acompanhado de sufixo numeral [que varia, dependendo do que você está contando]

Só que eu não vou entrar em detalhes, senão nunca mais desgrudo desse computador. Vão clicando aí nos links que já tudo explicadinho [é a lógica: para quê vou perder meu tempo explicando e, ainda por cima, mal explicado quando sei que existe algo que já está pronto e bem explicado? Jogo link mesmo =P]

Para mais:
Aprendendo japonês
Japonês na prática

Ó só a delicinha:

Fácil, né? Meu problema é que, para cada coisa, existe uma maneira diferente de se contar. Eu não sei todos [na verdade, não sei se sei tudo], mas o que já aprendi [ou melhor, me ensinaram, eu anotei, e tô tentando memorizar] foi isso:

CALENDÁRIO

Meses
Isso é facinho; é só usar o numeral chinês seguido do sufixo gatsu 月, que significa “mês”.

Janeiro 一月 ichi gatsu
Fevereiro 二月 ni gatsu
Março 三月 san gatsu
Abril 四月 shi gatsu
Maio 五月 go gatsu
Junho 六月 roku gatsu
Julho 七月 shichi gatsu
Agosto 八月 hachi gatsu
Setembro 九月 ku gatsu
Outubro 十月 juu gatsu
Novembro 十一月 juu ichi gatsu
Dezembro 十二月 juu ni gatsu

Dias do mês
A regra geral é usar o sufixo nichi 日, que indica “dia do mês”, mas existem exceções. No caso, MUITAS exceções [em verde — aliás, daqui pra frente, sempre assim: regra em roxo e exceção em verde]:

1 一日 tsuitachi
2 二日 futsuka
3 三日 mikka
4 四日 yokka
5 五日 itsuka
6 六日 muika
7 七日 nanoka
8 八日 youka
9 九日 kokonoka
10 十日 tooka
11 十一日 juu ichi nichi
12 十二日 juu ni nichi
13 十三日 juu san nichi
14 十四日 juu yokka
15 十五日 juu go nichi
16 十六日 juu roku nichi
17 十七日 juu shichi nichi (ou juu nana nichi)
18 十八日 juu hachi nichi
19 十九日 juu ku nichi
20 二十日 hatsu ka
21 二十一日 ni juu ichi nichi
22 二十二日 ni juu ni nichi
23 二十三日 ni juu san nichi
24 二十四日 ni juu yokka
25 二十五日 ni juu go nichi
26 二十六日 ni juu roku nichi
27 二十七日 ni juu shichi nichi (ou ni juu nana nichi)
28 二十八日 ni juu hachi nichi
29 二十九日 ni juu ku nichi
30 三十日 san juu nichi
31 三十一日 san juu ichi nichi

Pessoas

A regra é o sufixo nin

1  – hitori
2  – futari
3 – san nin
4 – yon nin
5 – go nin
6 – roku nin
7 – shichi nin
8 – hachi nin
9 – kyuu nin
10 – juu nin
11 – juu ichi nin
12 – juu ni nin

Objetos pequenos

[maçãs, sabonetes, ovos, botões, sushis…]
A regra é o sufixo ko

1 – ikko
2 – ni ko
3 – san ko
4 – yon ko
5 – go ko
6 – rokko
7 – nana ko
8 – hakko
9 – kyuu ko
10 – jikko
11 – juu ikko
12 – juu ni ko

Objetos achatados

[folhas, selos, lenços, fotos, cartões…]
A regra é o sufixo mai

1 – ichi mai
2 – ni mai
3 – san mai
4 – yon mai
5 – go mai
6 – roku mai
7 – nana mai
8 – hachi mai
9 – kyuu mai
10 – juu mai

One two three four! -parte 1

Então. Depois do coma do blog, vamos voltar como se nada tivesse acontecido [e, de fato, não aconteceu] ráááá como sou sagaz! — NOT! Mas tudo bem… é assim que eu funciono em termos de blog mesmo… =P

Eu tenho uma teoria pessoal de que o lema dos japoneses é “para quê facilitar, se podemos complicar?” Porque, né. vamos pegar o sistema de escrita como exemplo.

Estamos falando de um país que tinha um idioma falado, mas não tinha uma escrita. Daí os monges budistas foram para a China e voltaram trazendo os kanji [a.k.a. ideogramas chineses], que, de início, até eram lidos em chinês, mas daí foi desenvolvido um sistema chamado kanbun que, basicamente, significava que aqueles textos chineses, escritos em chinês, seriam lidos de acordo com a gramática japonesa.

Daí que agora os kanjis tem, todos, pelo menos, duas formas de leitura: a leitura chinesa (on’yomi, ou on – que é classificado em 4 tipos diferentes — go-on, kan-on, tō-on e kan’yō-on; não cabe aqui dizer o que é o quê, basta saber que existe mais isso) e a leitura japonesa (kun’yomi, ou kun). Isso sem contar os kanjis que tem umas 10 formas de leitura [sem exagero], dependendo do contexto. E sem falar também nos jūbako, que são compostos híbridos de kanjis de leitura chinesa com kanjis de leitura japonesa.

Não contentes com isso, os japoneses desenvoveram um outro sistema de escrita, chamado man’yogana, que usava os caracteres chineses para representar os sons japoneses. Esse sistema man’yogana, escrito de forma curvilínea, deu origem a outro sistema de escrita, chamado hiragana, que era usado pelas mulheres [que não tinham acesso ao mesmo nível de educação que os homens]. Ainda, não contentes, foi desevolvido nos monastérios, paralelamente à criação do hiragana, um outro sistema de escrita, o katakana.

Acabou? Nãããããoo. Depois da Segunda Guerra Mundial, surgiu um outro tipo de escrita, o kokuji, ou wasei kanji, que são os kanjis escritos de forma mais simplificada [ou, “à moda japonesa”, digamos assim]. Além disso, ainda inventaram o kokkun que funciona basicamente assim: você pega um kanji que significa uma coisa em chinês e dá um outro significado, completamente diferente, em japonês. Legal, né? Bacana pra caramba.

Então, acabou… NOT. Porque também existe o rōmaji. Isso é facinho: é pegar as letras romanas [ou seja, as letras que nós, ocidentais, usamos] para transcrever a fonética das palavras japonesas. Obviamente, em se tratando de japoneses, não dava para ser assim tão simples, então existem vários sistemas de romanização das palavras japonesas, sendo as três principais o sistema Hepburn, o sistema Kunrei-shiki e o sistema Nihon-shiki.

E isso foi uma explicação MUUUUUUUUUUUITO por alto do que é o sistema escrito japonês, só para se ter uma idéia de como japs ADORAM complicar a vida.

E essa enrolação toda foi só para dizer que isso NÃO é diferente com os números. Sim, isso foi só a introdução da complicaçãozinha que tem fritado meus miolos. =P

Curso de japonês online gratuito

Tava fuçando o site da NHK World [versão em inglês do site da NHK e achei a versão em português do site. E aí dou de cara com um curso de japonês online gratuito. Sim, é em português.

Aí, lá no site, tem os 7 méritos desse curso [e agora, um ctrl c, ctrl v bunitu]:

  • Ao usar a NHK WORLD, não há necessidade de se freqüentar uma escola de idiomas para aprender a falar japonês. Comece agora mesmo a aprender a falar japonês através do curso on-line gratuito.
    Há uma variedade de lições voltadas para iniciantes! Recomendável também para crianças.
  • As lições são concisas e de fácil compreensão. Assim, até mesmo as crianças podem aprender sem se entediarem.
  • Exercite o seu japonês assimilando a pronúncia de falantes nativos.
    Ao aprender a falar uma nova língua, é importante ouvir a pronúncia dos falantes nativos e praticar imitando o modo como eles falam.
  • Vídeos para aprender a falar o japonês
    Através de vídeos, você pode assistir quem está falando. Isso lhe ajudará a ter uma melhor idéia dos vários tipos de situações.
  • Aprendizado fácil e rápido
    Ao usar a NHK WORLD, você pode aprender japonês quando quiser. Escolha a lição que deseja aprender através da lista de lições.
  • É possível baixar as lições para seu tocador de MP3
    Você pode baixar as lições para o seu tocador de MP3. Assim, poderá ouvi-las, por exemplo, a caminho da escola ou do escritório.
  • É possível baixar também a apostila em formato PDF
    Caso você baixe a apostila em formato PDF poderá ler os conteúdos de todas as lições imediatamente.
  • Parece interessante. Não sei, ainda não olhei direito.

    Lá tem dois cursos, o principal e o curso extra, “Nihongo divertido” [nihongo = idioma japonês], com um tema a cada lição.

    O curso principal é o “Leo no Japão”, com 13 capítulos [totalizando 100 lições]:


    Leo

    01. No Aeroporto Internacional de Narita [9 lições]
    02. No táxi [3 lições]
    03. Chegando em casa [7 lições]
    04. Saindo para o treino [7 lições]
    05. Após o treino [9 lições]
    06. Se perdendo [7 lições]
    07. Convite para uma festa [10 lições]
    08. No Dojô [5 lições]
    09. Viagem a Kamakura [6 lições]
    10. Com febre [13 lições]
    11. Dia do Teste de Promoção [2 lições]
    12. Comprando souvenirs [12 lições]
    13. Adeus, Japão [10 lições]

    Tomara que funcione. =P